ARTIGO: Dia do Meio Ambiente: alternativas para uma Cuiabá mais sustentável

Neste dia 5 de junho é celebrado o Dia Mundial do Meio Ambiente e como representante do PV (Partido Verde) aproveito a data para pontuar sobre a experiência que tive nos últimos 60 dias em que estive como vereador por Cuiabá. A caminhada pela conscientização sobre o meio ambiente é longa e complexa, mas ações que podem parecer pequenas são as que fazem a diferença.

Enquanto parlamentar, propus alguns projetos de lei que, se sancionados, podem transformar o meio ambiente a curto, médio e longo prazo. Como forma de promover a energia renovável, proporcionar maior economicidade aos cofres públicos e, claro, preservar o meio ambiente, apresentei o projeto de lei que prevê a implantação da energia solar em todos os imóveis públicos de Cuiabá.

Caso a energia solar seja instalada nos órgãos públicos, ruas, escolas, museus, praças e unidades de saúde, entre outros, é possível que o município de Cuiabá economize em gastos com energia elétrica, além de se tornar uma das cidades pioneiras na prática do uso de energia solar fotovoltaica do país. Os ganhos são incontáveis para a natureza e para os cofres públicos. É um investimento à vida.

Entendo que a preservação do meio ambiente em tudo tem a ver com o cuidado de onde vivemos, e isso inclui os seres humanos. Pensando em proporcionar maior agilidade na coleta de materiais recicláveis e, ao mesmo tempo, proporcionar melhor qualidade de vida aos catadores desse tipo de material, apresentei uma proposta à Prefeitura de Cuiabá.

A ideia é que esses profissionais possam ser contemplados com bicicletas de carga, que possuirão um sistema de carrinho de engate, com local apropriado para armazenamento dos resíduos recicláveis, bem como amassador de latinha e de garrafa de plástico.

O acúmulo de lixo é o responsável pela degradação dos rios e nascentes, além de obstruções das bocas de lobo gerando alagamentos durante as chuvas. Na verdade, o lixo causa um efeito ‘bola de neve’ no meio ambiente, e o fortalecimento das políticas públicas para incentivar os catadores de recicláveis é um caminho importante.

O projeto prevê que deverão ser beneficiados com esse programa todos os catadores de materiais recicláveis de Cuiabá que façam parte de cooperativas, e também os que atuam de maneira independente, mas que desejam ter a bicicleta para realizar suas atividades diariamente.

Outra proposta faz alusão ao Dia Mundial do Meio Ambiente, onde propus o dia do ‘Abraço ao rio Cuiabá’ que fará parte do calendário oficial do município com objetivo de conscientizar a população sobre a poluição do rio Cuiabá, um dos maiores do estado.

A data servirá para ressaltar a importância de se manter durante todo o ano ações que promovam o descarte correto de resíduos sólidos, tratamento do esgoto da cidade e não retirada da vegetação das margens, evitando a degradação desse inestimável recurso natural.
A Cuiabá do futuro precisa conciliar crescimento econômico e respeito ao meio ambiente e essa responsabilidade deve ser compartilhada entre o poder público, iniciativa privada e população em geral. Eu como filho dessa terra tenho como compromisso trabalhar para buscar o melhor para a nossa amada ‘Cidade Verde’.

Zidiel Coutinho Jr

Foto Ednei Rosa 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.