Botelho presta homenagem para indicados de Silvio Fávero

Comendas Filinto Muller, Dante de Oliveira, Medalha Lenine Póvoas e Moções de Aplausos marcaram a sessão solene de autoria do deputado Silvio Fávero (in memorian)

A Assembleia Legislativa realizou sessão solene para homenagear personalidades indicadas pelo deputado Silvio Fávero (in memorian), que têm relevantes serviços prestados em Mato Grosso, nesta segunda-feira (08), presidida pelo primeiro-secretário, deputado Eduardo Botelho (DEM) e que contou com a presença da viúva Kátia Bedin Fávero. Silvio faleceu em março deste ano, por complicações da Covid-19.

“Recebo com emoção, com alegria, porque essa sessão solene é uma extensão daquilo que ele [Silvio] foi como pai, como esposo, como família e colocou em prática aquilo que ele era como ser humano. Fico feliz com essa sessão porque o Silvio gostava muito do Botelho, gostava muito do que ele fazia e essas pessoas homenageadas são merecedoras. Fico muito feliz pela lembrança, pelo carinho”, disse a Kátia.

Botelho destacou que se sentiu honrado por fazer a sessão solene, em nome do colega e amigo Silvio e listou a brilhante trajetória do colega parlamentar.

“Foi um deputado muito atuante, foi o que mais fez projetos de leis, mais fez resoluções, mais proposições durante esse período foi, de longe, o nosso deputado artilheiro Silvio Fávero. Então, homenagear essas pessoas que ele já tinha escolhido pelo relevante trabalho prestado para Mato Grosso, nada mais é do que coroar com êxito essa passagem dele rápida, mas brilhante pelo parlamento mato-grossense. É uma satisfação presidir e entregar desses títulos em nome dele [Silvio Fávero], que era um grande amigo e foi grande deputado”, destacou o deputado Botelho.

A cerimônia contou com as presenças também da deputada Janaina Riva (MDB) e do governador em exercício, Otaviano Pivetta. Ao receber a Comenda Dante de Oliveira, o secretário de Educação, Alan Porto falou em nome de todos.

Homenageados com a Comenda Senador Filinto Muller:

Alexandre José Dall´Acgua

Claúdio Fernando Carneiro Souza

Flávio Ramalho dos Santos

Jonildo José de Assis

Rodrigo Eduardo Costa

Homenageados com a Medalha Lenine Póvoas:

Associação Cultural Flor Ribeirinha – fundada pela mestre da Cultura,  Domingas Leonor da Silva, da Comunidade São Gonçalo Beira Rio, onde há mais de 25 anos defende o resgate, manutenção, proteção e difusão da Cultura Popular, sobretudo o Siriri e Cururu, bem como com outras formas de expressão da cultura regional em Mato Grosso, no Brasil e no mundo. O grupo já se apresentou na Coréia do Sul, França, Turquia, Peru, Paraguai, Itália e Rússia (turnê Europeia em 2018). A associação vai além das danças regionais, oferece oficinas artísticas, projetos sociais e Culturais.

Orquestra do Estado de Mato Grosso – criada em 2005 numa iniciativa do Governo do Estado em parceria com o Ministério da Cultura e empresas privadas de diversos segmentos. A orquestra quebrou paradigmas da música de concerto ao combinar o repertório tradicional com novas composições e arranjos, em que os instrumentos da cultura popular mato-grossense, como a viola de cocho, o mocho e o ganzá são utilizados.

Homenageados com a Comenda Dante de Oliveira:

Alan Resende Porto

André Avelino Figueiredo Neto

Fernanda Leonel Machado

Samuel de França Figueiredo

Waldir Félix de Oliveira Paixão Júnior

Homenageados com Título de Cidadão Mato-grossense:

Antônio Donizete Cavalaro, Itamar Schulle, Ivanildo Teixeira Thomaz, Lílian Bartolazzi Laurindo Biachini, Lourenço Mitunori Hayashida, Paulo César Delfino, Saulo Ramos de Carvalho Cavalcante e Sérgio Roberto Waldrich.

Homenageados com  Moções de Aplausos:

Mário Demerval Resende

Gianmarco Pacolla Capoani

Daniela Silveira Maidel

Fábio Arruda Góes Ferreira

Ricardo Rodrigues Barcelos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *