CÁCERES: Max Russi apresenta demanda de Central de Regulação e cobra providências da SES

Falta de médicos estaria inviabilizando trabalhos da Regional, que atualmente atende 22 municípios.

Com a demissão de três servidores da Central Regional de Regulação de Urgência e Emergência de Cáceres, o órgão tem encontrado dificuldades para dar andamento nas autorizações de procedimento cirúrgico. Essa demanda chegou ao deputado Max Russi (PSB), que apresentou, através de uma de suas indicações na Assembleia Legislativa, o pedido de providências a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT).

Realizando atendimento a 22 cidades da região e com apenas um médico regulador, a central do município tem apresentado atrasos nas regulações. Em decorrência desse baixo número de efetivo, a lista de espera tem aumentando.

Esse problema foi apresentado ao deputado pelo vereador Jerônimo Gonçalves (PSB), que alega ter ouvido a inúmeras reclamações de famílias, em razão da demora nas autorizações de cirurgias de pacientes, principalmente em estado grave.

“Estamos falando de vidas, de quem precisa de uma cirurgia com urgência e pode vir a óbito por não conseguir o atendimento. Tínhamos quatro médicos trabalhando nas regulações, três deles estavam aguardando ser chamados, porém isso não aconteceu e eles não estão mais. Apenas um médico não dá conta de todo o trabalho”, alerta o vereador.

Com a quantidade insuficiente de médicos atuantes para a função, a Regional paralisou os trabalhos desde o dia 29 de novembro desse ano, repassando as demandas para a Central de Cuiabá. Para o deputado Max Russi, essa é uma decisão paliativa, mas que precisa ter uma resolução em definitivo.   

“Precisamos que a Secretaria de Saúde busque formas de resolver o mais rápido possível. Esse é o tipo de trabalho que não pode parar, pois as famílias já ficam mais sensíveis por estarem passando pela dificuldade da doença. Ficar aguardando em uma fila, sem saber quando poderá ser atendido, é desumano”, avalia. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *