Campanha Maio Amarelo promove ações e debate empatia em prol da preservação da vida no trânsito

Devido às restrições impostas pela situação de pandemia, as ações da campanha vão ocorrer de forma digital para evitar aglomerações

Com o tema “Respeito e Responsabilidade: pratique no trânsito”, a campanha Maio Amarelo iniciou com objetivo de promover a empatia em prol da preservação de vidas no trânsito, trazendo mais consciência e harmonia para um trânsito com mais respeito e responsabilidade. 

“Neste ano de pandemia, mesmo com a redução do fluxo de veículos nas rodovias federais que cortam Mato Grosso e, apesar da pequena redução no número de acidentes, aumentaram os acidentes graves e os óbitos no trânsito”, observou a gerente de Ações Educativas do Detran-MT, Rosane Pölzl.

Segundo Rosane, as estatísticas em geral apontam que mais de 90% dos acidentes de trânsito decorrem de falha humana. “Sendo assim, ao seguirmos o que preconiza a legislação de trânsito, estamos adotando protocolos de segurança, reduzindo riscos e consequentemente preservando vidas”, destacou.

O Maio Amarelo de 2021 seguirá o mesmo padrão do movimento realizado no ano passado. Devido às restrições impostas pela situação de pandemia, as ações da campanha serão de forma digital para evitar aglomerações.

Maio Amarelo

O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para redução de acidentes de trânsito. A campanha envolve Poder Público e a sociedade civil com a intenção de colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar em torno dessa luta toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada.

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) irá coordenar essas ações em parceria com o Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV) no âmbito do Acordo de Cooperação, além de contar com o envolvimento de todos os órgãos e entidades integrantes do Sistema Nacional de Trânsito (SNT) e demais interessados que se engajam a fim de preservar vidas no trânsito seja através de ações educativas ou repressivas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *