Delegado Claudinei visita Escola Militar Tiradentes de Rondonópolis

O parlamentar conheceu a estrutura da escola e busca junto ao governo estadual que este benefício se estenda para o município Jaciara

O deputado estadual Delegado Claudinei esteve em Rondonópolis (MT), nesta segunda-feira (10), para conhecer a estrutura da Escola Estadual da Polícia Militar “Major PM Ernestino Veríssimo da Silva” que iniciou nesta mesma data, as inscrições para o processo seletivo de alunos interessados em estudar na instituição de ensino.

Uma das exigências quanto ao perfil dos estudantes é que tenham até 13, 14 e 15 anos, respectivamente, para serem inseridos nas turmas de 7°, 8° e 9° ano – com 90 vagas para cada série. Outro aspecto é que os interessados não poderão ter no histórico escolar dependências ou matérias reprovadas. “Os interessados em ingressar na escola deverão entrar em contato direto com a assessoria pedagógica até o dia 14 de junho e levarem os documentos de identidade ou certidão de nascimento do estudante. Cópia do responsável e duas fotos 3×4. As vagas são limitadas”, explica o diretor e tenente-coronel Marcos Antônio.

O deputado conta que aproveitou este contato para conhecer a escola e apresentar o projeto que conta também com a articulação do deputado estadual Maxi Russi (PSB) para implantar a Escola Militar, em Jaciara (MT). “Parabenizou o comando da Polícia Militar pelo trabalho e o deputado Sebastião Rezende (PSC) que também lutou muito e apoiou muito para que fosse instalada a escola militar aqui, em Rondonópolis”, conta Claudinei.

Jaciara – O parlamentar esteve no mês de abril, no município de Jaciara (MT), para atender as reivindicações dos gestores municipais que possuem o interesse de transformar uma escola municipal que contará com 12 salas de aula e uma quadra poliesportiva, em fase de construção, para Escola Militar Tiradentes para atender toda a região.

A implantação de Escolas Militares Tiradentes envolve uma parceria entre a Secretaria de Estado de Educação (Seduc – MT) e a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP-MT) por meio da Polícia Militar, em que está integrada com a rede estadual de ensino e oferece um ensino gratuito aos interessados. A metodologia de ensino é aplicada pela polícia militar que levará instruções militares, ensinamentos de disciplina, organização e patriotismo.

Decreto – No início do ano, entrou em vigor o Decreto nº 9.665, de 2 de janeiro, que prevê o modelo cívico militar em escolas de todo o país. Essa lei, assinada pelo presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, permitirá que escolas estaduais e municipais possam aplicar modelos de educação já seguidos em colégios militares do exército, da polícia e Corpo de Bombeiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *