Dinheiro proveniente do tráfico de drogas será revertido em viaturas para Gefron

Convênio de R$ 2,2 milhões com o Fundo Nacional Antidrogas permitirá a aquisição de dez viaturas

O Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) receberá recursos na ordem de R$ 2.281.829,99 para a aquisição de dez novos veículos que vão reforçar as atividades operacionais nas regiões fronteiriças de Mato Grosso. O repasse é fruto de um convênio celebrado entre o Fundo Nacional Antidrogas (Funad) e a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT).

A assinatura do convênio ocorreu na última terça-feira (03.11) e foi publicada no Diário Oficial da União, que circulou nesta quinta-feira (05.11). 

Entre os veículos que serão adquiridos com os recursos provenientes das ações de combate ao tráfico de drogas estão vans e ônibus para o transporte da tropa, veículos apropriados para o transporte dos cães do Canilfron, viaturas descaracterizadas para o trabalho do setor de Inteligência da unidade e viaturas caracterizadas para o policiamento operacional.

Atualmente, o Gefron conta com um quadro de 140 operadores que reforçam a segurança de mais de 750 quilômetros de fronteira seca com a Bolívia. A aquisição foi comemorada pelo comandante da unidade, tenente-coronel PM Fábio Ricas.

“Com a aquisição destes novos veículos o Gefron vai não só aumentar sua capacidade operacional, como também manter os excelentes indicadores de produtividade, principalmente no combate ao tráfico internacional de drogas”, pontuou o comandante.

Tráfico de drogas

Somente entre janeiro e setembro deste ano, o Gefron já realizou a apreensão de mais de 11 mil toneladas de entorpecentes, mais que o dobro do mesmo período do ano passado, quando mais de 5 mil toneladas de drogas foram apreendidas.

Foi também neste ano que a unidade realizou a maior apreensão de entorpecentes em seus 18 anos de existência. O caso ocorreu no final de outubro, em uma operação conjunta com a Polícia Federal, Polícia Militar (PM-MT), Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) e Serviço Aéreo do Estado de Goiás, realizada em Comodoro (639 km de Cuiabá). Na ocasião, mais de uma tonelada de pasta base de cocaína foram apreendidas, totalizando R$ 25 milhões de prejuízo ao crime.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *