Dupla é presa acusada de roubar carreta carregada de carne avaliada em 360 mil em Várzea Grande; mandante seria dono de mercearia; veja os vídeos

Francisco das Chagas Neto, Juilson Rodrigues de Morais Filho, foram presos em flagrante acusados de roubo, formação de quadrilha e cárcere privado.

Na madrugada desta segunda feira (09) compareceu à Central de Flagrantes o senhor Joaquim Silvério da Silva relatando que na noite de domingo (08) por volta das 20:30hs estava trafegando pela Rodovia dos Imigrantes com seu veículo Scania modelo R450 de cor branca, placa EGU 9474, carreta tipo baú câmera fria, placa EGK 9492, carregada de carne e no momento em estacionou no “POSTO MARAJÓ” para realizar o abastecimento do veículo foi surpreendido por dois indivíduos que anunciaram o roubo.

Segundo a vítima a mesma foi colocada em uma camionete de cor prata onde se encontrava um terceiro suspeito condutor do veiculo onde foi colocado um saco plástico em sua cabeça e que ficaram circulando pela cidade de Várzea Grande e posteriormente foi liberada próximo da cidade de Jangada.

Os suspeitos subtraíram da vítima também um aparelho de celular LG K10 de cor preta.

Em diligências os militares lograram êxito em localizar o veículo no Distrito de Pai André onde os marginais foram pegos em flagrante no momento em que estavam transferindo a carga para um veículo Fiat Fiorino de cor branca, placa DVA 7420,.

Os suspeitos ao perceberem a presença da viatura policiam tentaram empreender fuga, porém foram detidos pelos militares.

Questionados os suspeitos relataram que teriam sido contratados pelo suspeito G. J. S. para retirar a carga do caminhão e transportá-la  até seu estabelecimento comercial “Mercearia Nação”, localizada no bairro São Mateus.

Os suspeitos confessaram ainda que receberiam  a importância  de mil reais mais uma cera quantia em carne.

Os Militares se deslocaram a residência de Gelson localizada na  Rua Jataí nº 79 , bairro Gonçalo Botelho de Campos, onde foi localizado outro veículo Fiat Uno de cor branca, placa JZV 0145, carregado de carne, sendo localizado ainda diversos produtos sobre uma mesa na área externa da casa.

No interior da residência foi localizado 23 maços de cigarro da marca Fox e uma mala de cor preta com 16 pares de chinelos de diversas marcas com etiquetas possivelmente produto de roubo ou furto.

No local foi localizados documentos pessoais que possibilitaram a identificação do suspeito Gelson.

A empresa proprietária do caminhão providenciou auxilio para a retirada do caminhão do local devido o mesmo estar atolado.

Os suspeitos foram conduzidos à Central de Flagrantes para a confecção do boletim de ocorrência (BO nº 2019.366906) e demais providências cabíveis

O suspeito G. J. S. não foi localizado até o momento.

A carga roubada está avaliada em 364 mil reais.

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *