EM CUIABÁ: Rotam fecha boca de fumo e prende mãe e filha por tráfico no Dom Aquino

A mãe da suspeita foi detida na delegacia após ser constatado contra a mulher um mandado de prisão em aberto.

Nesta segunda- feira(07.09) policiais do Batalhão Rotam prenderam duas mulheres (32 e 66 anos) por tráfico de drogas, no bairro Dom Aquino, em Cuiabá. As suspeitas, mãe e filha foram presas em flagrante. A mãe de 66 anos que estava foragida da justiça foi presa após procurar pela filha na delegacia.

Durante a madrugada, a Rotam realizava patrulhamento tático no bairro, quando avistou um homem em fundada suspeita, o indivíduo fugiu da abordagem policial entrando em uma residência com várias quitinetes.

Os policiais adentraram no local e não localizaram o suspeito, mas perceberam que em uma das quitinetes exalava – se um forte odor de maconha. Ao verificarem o local, os militares encontraram a suspeita de 32 anos com o entorpecente.

A mulher declarou ser usuária de drogas. Na casa dela, a polícia apreendeu 12 porções de maconha, dinheiro, pedra pasta base, dinheiro e 26 trouxinhas de entorpecentes. Ao receber voz de prisão, a mulher declarou que era a proprietária da droga e que vende o entorpecente para sustentar a família. A suspeita já tem passagem por tráfico e foi conduzida à delegacia. 

Durante a confecção do boletim de ocorrência, a mãe da suspeita esteve na delegacia a procura da filha. Ao fazer a checagem da mulher de 66 anos, a Rotam identificou que ela era foragida da justiça e conhecida no tráfico de entorpecentes por “ Didi”.

Os policiais constataram que havia um mandado de prisão em aberto contra a suspeita expedido no ano de 2017. A mulher possuem sete passagens por tráfico ilícito de drogas, uma receptação e outra por furto. A suspeita recebeu voz de prisão e foi detida. A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *