FIM DOS TEMPOS: Caçada intensa resulta na prisão de suspeito de feminicídio ocorrido em Querência

Foram dois dias intensos de trabalho na busca do homem. Os policiais das duas cidades se empenharam e não mediram esforços para prender o suspeito

Policiais militares do 19ª Companhia de Querência (a 945 km de Cuiabá) com apoio do Núcleo de Ribeirão Cascalheira – prenderam na terça-feira (27.10), um homem (26),  por feminicídio. Ele já estava com mandado de prisão expedido pela justiça. 

Os agentes estavam a sua procura por ser o principal suspeito da morte da sua esposa de 25 anos, ocorrido no domingo (25). A vítima foi encontrada já sem vida e com sinais de facadas pelo corpo.

A caçada começou logo depois. Os policiais fizeram buscas em várias residências em bairros diferentes de Querência. Durante o procedimento, uma denúncia apontava que o suspeito tinha sido visto na BR-242, sentido Ribeirão Castanheira.

Com apoio da equipe da cidade, o trajeto entre os dois municípios foi realizado e o denunciado não encontrado. Os trabalhos continuaram na segunda (26), depois que uma informação apontava que o homem teria dormindo em barracão em um assentamento. Casas abandonadas foram vistoriadas e nada do denunciado.

Na manhã de terça, outra denúncia descrevia que ele teria passado por um posto de combustível. No período da tarde, o homem foi encontrado em uma fazenda.

Entenda o caso

De acordo com a Polícia Militar e a Polícia Civil, Jackeline Pinto da Silva, de 25 anos, foi morta pelo marido dela, apontado como único suspeito do crime.

O crime ocorreu no bairro Setor Nova no período da tarde. Moradores chamaram a polícia depois que presenciaram o crime. O suspeito foi identificado, mas não foi preso.

Os policiais fizeram rondas e não localizaram o marido de Jackeline, que deixa uma filha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *