Gefron apreende 71 kg de pasta base de cocaína e prende 7 suspeitos

Esta foi a principal ocorrência registrada pelo grupamento no final de semana, que teve ainda recuperação de veículos e prisões de outros suspeitos

Policiais do Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) prenderam sete pessoas por tráfico ilícito de drogas e associação ao tráfico, neste domingo (16.05). Com eles, as equipes apreenderam aproximadamente 71 kg de substância análoga a pasta base de cocaína. O fato ocorreu durante operação Hórus/VIGIA, no município de Porto Esperidião (325 km ao Oeste de Cuiabá), no entroncamento das rodovias BR-174 e MT-265.

Por volta de 17h, foi abordado um veículo S-10 de cor prata com dois ocupantes em atitude suspeita. Após busca veicular, foram liberados. Logo em seguida, foi abordado um veículo Voyage de cor prata com cinco ocupantes. Ao realizar a busca veicular foram localizados quatro sacos (cangas), contendo 70 peças de substância análoga a pasta base de cocaína.

Ao ser indagado sobre a S-10 prata, o condutor do Voyage relatou que se tratava de seu tio e que ele estava dando apoio ao transporte dos entorpecentes. Foram realizadas, então, diligências na cidade de Porto Esperidião, juntamente com apoio de outras equipes do Gefron, que localizaram o veículo, juntamente com um Fiat Uno de cor verde que atuava como batedor. Cada carro estava com um ocupante, sendo os dois abordados anteriormente na S-10.

Diante dos fatos, os suspeitos e os veículos foram encaminhados para a Delegacia Especial de Fronteira (Defron), em Cáceres (214 km ao Oeste da Capital). O prejuízo total ao crime foi estimado em R$ 1.352.387,00, sendo que só o entorpecente corresponde a pouco mais de R$ 1 milhão.

Em consulta, foram identificados diversos antecedentes criminais com relação aos suspeitos: Adulteração de sinal identificador de veículo automotor, lesão corporal, receptação, posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito ou proibido, posse, detenção, fabricação ou emprego ilegal de artefato explosivo ou incendiário, infrações ambientais.

Outras ocorrências

No sábado (15.05), o Gefron também recuperou um veículo e prendeu uma pessoa suspeita de apropriação indébita, em Porto Esperidião. Por volta das 19h, em patrulhamento pela rodovia BR-174, foi avistado o veículo Jeep/Compass de cor prata em fundada suspeita.

Foi realizada a abordagem e checagem via base do Gefron, na qual a equipe constatou um Boletim de Ocorrência (BO), de apropriação indébita, registrado na 1° Delegacia de Polícia de Guarulhos (SP). O suspeito e o veículo foram encaminhados para a Defron, na cidade de Cáceres, para as providências que o caso requer. O prejuízo ao crime foi calculado em R$ 121.556,00.

No mesmo dia, às 16h30, os policiais do Gefron recuperaram outro veículo e prenderam três pessoas por adulteração de sinal de veículo automotor receptação, também na BR-174, em Porto Esperidião. Durante patrulhamento, dentro da operação Hórus/VIGIA, as equipes policiais visualizaram uma motocicleta Honda/Bros de cor laranja, juntamente com um veículo VW/Gol de cor branca em atitude suspeita.

Após os veículos entrarem em uma estrada vicinal, foi feita a abordagem. Um suspeito estava em posse da motocicleta e o segundo estava no Gol. Indagado, o suspeito da motocicleta informou que estava batendo estrada para o ocupante do Gol e que estaria esperando a entrega para a terceira pessoa que estava em uma fazenda da estrada vicinal.

Em diligência pelo perímetro, a equipe localizou o terceiro suspeito, que recebeu o veículo. Durante revista pessoal, os policiais encontraram no bolso dele uma chave de um veículo Nissan/Frontier. Indagado, o homem entrou em diversas contradições. Após diligências, foi localizada, nas imediações, a caminhonete Nissan/Frontier de cor prata.

Ao ser questionado novamente sobre a procedência do veículo, ele não soube informar o nome do proprietário ou responsável. Alegou apenas que havia emprestado da atual namorada, no município de Araputanga (345 km ao Oeste de Cuiabá). Após checagem minuciosa da caminhonete, foi observado sinal de adulteração e, ao checar via Base Gefron, constou queixa de roubo, conforme Boletim de Ocorrência registrado no município de Cariacica (ES).

Já sobre o veículo VW/Gol, o terceiro suspeito informou que estava esperando para levar à Bolívia. A equipe policial também identificou sinais de adulteração veicular e, após checagem via base Gefron, constou ser produto de roubo, conforme Boletim de Ocorrência registrado em Cuiabá. Ao ser questionado sobre o fato, o segundo suspeito informou que receberia a quantia de R$ 2mil para fazer a entrega do veículo.

Todos os suspeitos e os veículos foram encaminhados para a Defron. O prejuízo total ao crime foi estimado em R$ 201.427,00.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *