Governador mostra potencialidades de MT para embaixador e embaixatriz da Espanha

Mauro Mendes recebeu comitiva na manhã desta quarta-feira (02.06)

O governador Mauro Mendes apresentou as potencialidades econômicas de Mato Grosso para o embaixador e a embaixatriz da Espanha no Brasil, Fernando García Casas e Ángeles Cano Fernandes.

A visita ocorreu na manhã desta quarta-feira (02.06), no Palácio Paiaguás. Também foram recepcionados: a conselheira de Agricultura da Embaixada, Elisa Barahona, e seu esposo Jesus Martín Benito, e o conselheiro de Educação da Embaixada, Pedro Cortegoso.

Durante a reunião, o governador falou sobre os números positivos de Mato Grosso, a exemplo de ser o estado com a maior estimativa de crescimento no PIB e o maior produtor de alimentos do País, bem como dos resultados obtidos pela gestão, como a nota A perante o Tesouro Nacional.

“Nós temos muitas relações comerciais de empresas espanholas no Brasil. E a relação entre países é extremamente importante, não só pelo comércio internacional, que interessa a Mato Grosso e interessa à Espanha, mas pelas relações culturais que mantemos de longa data. Aqui em Mato Grosso, estamos mostrando ao embaixador toda a potencialidade daquilo que somos, daquilo que temos e dos grandes ativos na área ambiental, e na produção de alimentos, que interessa a todos nós, e seguramente à Espanha”, declarou.

O embaixador Fernando Casas ressaltou o grande potencial de Mato Grosso para novas parcerias comerciais e intercâmbios culturais com a Espanha.

“É a minha segunda vez em Mato Grosso. A primeira de forma oficial. Eu participei da posse do governador no Consórcio de Governadores do Centro-Oeste. Mato Grosso vende muito mais para a Espanha do que a Espanha vende para Mato Grosso. Ficamos muito felizes com essa visita e esperamos colher bons frutos dessa relação”, afirmou.

Também participaram da reunião: o senador Carlos Fávaro; o presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi; os secretários de Estado Mauro Carvalho (Casa Civil), Cesar Miranda (Desenvolvimento Econômico), Alan Porto (Educação), Mauren Lazzaretti (Meio Ambiente) e Silvano Amaral (Agricultura Familiar); além de representantes dos setores produtivos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *