LUTA CONTRA AO COVID 19: Em um dia, Várzea Grande vacina 1.480 pessoas entre idosos e trabalhadores da saúde

Prefeito Kalil Baracat e o vice, José Hazama asseguraram medidas para reforçar a fiscalização e reafirmaram disposição em adquirir mais vacinas

O Segundo Dia D de vacinação contra a COVID 19 em Várzea Grande e a primeira dose para idosos de 81 a 89 anos e 90 anos acima, como preceitua o Plano Nacional de Imunização do Ministério da Saúde reuniu 1.480 imunizados na Clínica Médica da Universidade de Várzea Grande – UNIVAG, em parceria com a Prefeitura de Várzea Grande através da Secretaria Municipal de Saúde e da Guarda Municipais, reunindo mais de 150 servidores públicos municipais.

Foram vacinados 743 idosos na modalidade drive-thru com a primeira dose da vacina contra a COVID 19, quando os mesmos não deixam seus veículos, outros 722 trabalhadores da saúde que receberam a segunda dose e 15 profissionais que receberam a primeira dose.

“Estamos acelerando os trabalhos para que o máximo de pessoas sejam imunizados e com isto criando a imunidade de rebanho e não iremos desistir de insistir com o Governo do Estado que através do governador Mauro Mendes e do secretário Gilberto Figueiredo tem redobrado os esforços no sentido de atende a demanda não apenas de Várzea Grande mas de todo Mato Grosso e também junto ao Governo Federal, pois se necessário vamos comprar vacinas, pois o mais importante agora é preservar a vida de todos e devolver o modo de vida mas perto da normalidade possível”, disse o prefeito Kalil Baracat

Uma estratégia foi montada para que o atendimento respeitasse as regras de distanciamento social de 1,5 metros, uso de máscara e álcool em gel, além de outros cuidados exigidos para se evitar aglomerações, por isso a utilização da clínica médica da UNIVAG que já realiza atendimentos na Rede Pública em parceria com Várzea Grande.

“Estamos adotando todas as medidas para que as vacinas cheguem a um maior número de pessoas possíveis, respeitando as regras do Plano de Imunização do Ministério da Saúde e buscando outras alterativas para o enfrentamento a COVID 19 com o reforço na fiscalização para se proibir as aglomerações e evitar novas medidas mais endurecidas”, disse o secretário de Assuntos Estratégicos, Gonçalo Barros que responde interinamente para Secretaria de Saúde de Várzea Grande, a segunda maior cidade de Mato Grosso.

O vice-prefeito José Hazama, que acompanhou a ação, se surpreendeu, quando chegou a hora de vacinar, o senhor Benedito Marques de Assunção, 94 anos, que também ocupou o cargo de vice-prefeito de Várzea Grande na gestão de Sarita Baracat, avó do prefeito Kalil Baracat, nos anos de 1967 à 1970, sendo ela primeira prefeita mulher a comandar o Paço Municipal.  Benedito Marques de Assunção também exerceu por 8 anos mandato de vereador na cidade.

“É sempre bom para a população várzea-grandense momentos iguais a este, mesmo em meio a uma pandemia, receber ilustre personalidade como o senhor Benedito Marques, ancião e ex-vice-prefeito de Várzea Grande que engrandece a campanha de vacinação desenvolvida pela Prefeitura. Enalteço a parceria com o UNIVAG, na pessoa do Diretor Administrativo da Instituição de Ensino, Paulo Henrique Foguel, que não mediu esforços para organizar e colocar seus funcionários a disposição desta tão importante ação, dando conforto a este público que está sendo vacinado hoje. O prefeito Kalil Baracat está sempre em contato com o Governo do Estado, também nosso grande parceiro para garantir insumos e a vacina. Nós vamos vacinando os grupos conforme preconiza o Ministério da Saúde, e doses disponibilizadas, sempre dentro das regras e com rigor e na fiscalização para ninguém furar fila”, disse Hazama.

Gonçalo Barros lembrou da importância do controle rigoroso, tanto que dentre as inscrições realizadas via site oficial de Várzea Grande no endereço www.varzeagrande.mt.gov.br, na aba IMUNIZAÇÃO VÁRZEA GRANDE – CADASTRO VACINA COVID 19, nos dias anteriores a vacinação foram detectadas mais de 35 inscrições de moradores de outras cidades que não Várzea Grande.

“Queríamos poder vacinar a todos indistintamente, mas existem regras a serem cumpridas, primeiro porque não se tem toda as vacinadas necessárias e segundo porque temos que respeitar essas regras, mas na medida do possível e com certeza todos serão vacinados”, disse Gonçalo Barros.

O ex-vice-prefeito,Benedito Marques disse que estava com grande esperança da chegada da vacina, e agradeceu ao neto de Sarita Baracat, hoje Prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, por estabelecer parcerias, que dão conforto aos idosos de serem vacinados sem ficar em pé e enfrentar filas, com dignidade. “É assim que se faz política, sempre pensando em sua gente. É gratificante ser vacinado e ainda encontrar as autoridades públicas municipais cuidando bem da população da cidade, que hoje cresceu muito, e precisa sim, de um olhar mais de perto do Poder Político. Da minha época para cá muita coisa mudou, mas não a habilidade política desses jovens gestores, Kalil e Hazama”, comentou sorridente e feliz por estar imunizado contra a COVID 19, brincando que vai viver mais um século.

Dona Erotides Maria da Silva de 88 anos, foi acompanhada dos netos, para tomar sua primeira dose da vacina, de carro, muito felizes os netos registraram este momento que consideraram histórico, e também de olho na saúde da querida avó. “Nossa não sabíamos que seria assim tão organizado, já trouxemos todos os documentos da vovó necessários para dar agilidade, e o ‘drive thuu’ é o melhor sistema, sem stress, com segurança sem sair do carro ela vacinou e ficou muito grata por tomar a vacina. Sempre usamos máscara quando vamos visitá-la e vamos continuar usando, agora com menos medo. Nossa avó é tudo para nós”, elogiou a neta Tereza Cristina Silva.

A Superintendente de Vigilância em Saúde Relva Cristina, informou que foram cadastrados 850 idosos, e os que ainda não se cadastraram podem acessar o site da prefeitura de Várzea Grande que as doses reservadas estão garantidas, sendo 650 doses para os idosos acima de 90 anos e 1.150 para os idosos com idade entre 81 anos à 90.

“Também vacinamos a segunda dose dos profissionais da Saúde, com 900 doses da vacina garantidas para este público alvo. Conforme o Ministério da Saúde for distribuindo as doses para o Estado, vamos planejando para avançar a aplicação nos próximos grupos prioritários, os definidos pelo Ministério da Saúde”, explicou a superintendente.

A próxima etapa que será colocada em prática, segundo determinação do prefeito Kalil Baracat será equipes da saúde irem ao encontro dos idosos acamados ou que vivem sozinhos para que estes também sejam imunizados, criando a imunidade de rebanho, ou seja, quanto maior o número de vacinados, menores as chances da propagação da doença.

“Vamos as residências cadastradas, aqueles que residem sozinhos para vaciná-los e para promover o atendimento dos mesmos”, disse o secretário Gonçalo Barros que pretende nesta semana atender aqueles que ainda não puderam ser vacinados.

COMPARTILHE ESSA MATÉRIA:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *