LUTO: “Guardiã” da história de MT morre por complicações da Covid-19 em Cuiabá

Pela dedicação na preservação desses objetos, Marly Pommot Maia ficou conhecida carinhosamente como “guardiã da memória mato-grossense”.

Marly Pommot Maia — Foto: Arquivo Pessoal

Responsável pela preservação e manutenção de objetos e obras da história mato-grossense, Marly Pommot Maia morreu nessa quinta-feira (31) vítima da Covid-19.

Pela dedicação na preservação desses objetos, ficou conhecida carinhosamente como “guardiã da memória mato-grossense”.

Marly trabalhou por muitos anos na Secretaria Estadual de Cultura e coordenou os principais museus de Mato Grosso.

O prefeito Emanuel Pinheiro emitiu nota de pesar pela morte de Marly.

“É com imenso pesar que recebemos essa triste notícia. Com certeza Mato Grosso está de luto “, lamentou o prefeito. “Estendemos nossos sentimentos aos familiares e amigos e pedimos nosso Senhor possa consolar cada um deles nesse triste momento”, concluiu o prefeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *