Mais um suspeito é preso em Nova Bandeirantes e dois morrem em confronto com policiais

Com eles foram encontrados um fuzil, mais de 300 munições, mais de R$ 100 mil em dinheiro, entre outros materiais

Mais um suspeito do roubo a cooperativas de crédito em Nova Bandeirantes (980 km de Cuiabá) foi preso. A equipe do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar (PM-MT) recebeu uma denúncia anônima de que um homem estaria em uma fazenda na região, pedindo alimento e água. A denúncia foi feita na tarde deste sábado (26.06) e os policiais seguiram para o local imediatamente.

Próximo da fazenda foi informado que o suspeito estaria fugindo em um veículo Gol de cor prata e que teria feito os funcionários da fazenda de reféns. Ao ser interceptado pela equipe do Bope e pela aeronave do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), os policiais identificaram o suspeito, de 26 anos de idade, e o encaminharam para o Batalhão da PM de Nova Bandeirantes para conferência dos materiais apreendidos na ação.

Posteriormente, ele foi encaminhado à Delegacia da Polícia Civil local sem lesões corporais. Com o suspeito foram apreendidos um fuzil, mais de 300 munições de calibre 5.56, pouco mais de R$ 133 mil em dinheiro, diversas peças de roupas, um celular em bom estado de conservação, dois carregadores de celular, duas placas balísticas, uma capa de colete balístico, um radiocomunicador, vários cartões de crédito, uma rede, uma mochila e um relógio dourado.

Confrontos

Enquanto isso, em outra região próxima ao Distrito de Jaripuanã, em direção à balsa do Rio Juruena, a equipe da Força Tática de Sinop foi checar uma denúncia e avistou cinco suspeitos armados tentando abordar e roubar uma caminhonete. Ao constatar a aproximação policial, eles dispararam contra a equipe, que revidou. Um dos suspeitos foi atingido e não resistiu aos ferimentos.

Com ele foi apreendida uma pistola calibre . 380, mochila com rede, vestimentas, uma quantia de R$ 4.640,00 em dinheiro e joias. Os demais fugiram pela mata e as equipes do Bope fazem buscas.

Ainda na tarde de sábado (26.06), logo após o confronto e a prisão, um veículo tentou ultrapassar uma barreira policial, próximo ao município de Nova Monte Verde. Um suspeito, que estava em posse de arma de fogo, foi atingido e também morreu no local.

O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil, por meio da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), com apoio da Regional de Alta Floresta. Os policiais da PM-MT seguem na região, até que sejam localizados todos os participantes do roubo. A identificação dos suspeitos mortos em confronto será feita pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *