Multidão de fiéis participam da tradicional Festa de Nossa Senhora Auxiliadora, em Cuiabá

Orações, emoção, louvor e muita alegria marcaram a Festa de Nossa Senhora Auxiliadora, neste sábado (25), em Cuiabá. Crianças, jovens, adultos e idosos participaram da tradicional programação, com destaque para a Procissão Luminosa, que percorreu às ruas da capital, numa demonstração de gratidão, fé e devoção.

Dona Cacilda da Silva Leite, de 63 anos, conta que a celebração é tradicional na família. Desde muito pequena ela participa das homenagens a Nossa Senhora Auxiliadora. Pra ela, é uma oportunidade de agradecer. “Desde três anos de idade participo. É muito tradicional na minha família, sempre ouvia que era o mês de maio, de Maria, da Mãe, da Mulher e das Flores. É momento de louvar, agradecer e pedir força e firmeza pra mais um ano”, disse ela que também participa de um grupo de oração da igreja.

Padre Paulo Vendrame, responsável pela igreja, celebrou a missa de abertura e a caminhada da procissão. Ele lembrou que além dos 107 anos do Santuário, 2019 também traz outros marcos como os 300 anos de Cuiabá, 100 anos da coroa de Nossa Senhora Auxiliadora e 125 anos dos salesianos na capital mato-grossense.

É a 9ª vez que o padre Paulo participa das homenagens de Nossa Senhora Auxiliadora. Ele observa que a cada ano as expectativas são superadas. Para ele, todos os anos a festa tem sido melhor organizada, diversificada e com mais participação.

“Posso afirmar que a cada ano que passa, a festa está crescendo. E a característica desse ano foi que os festeiros assumiram com muita responsabilidade a própria missão. O comprometimento do Rei e da Rainha foi muito bom, superou as expectativas. A alegria dos fiéis em participar da missa, da procissão e permanecer nos shows, que este ano tiveram três diferentes. Nada nasce grande, tudo nasce pequeno e a cada ano a festa está se superando. É nós vamos realizando aquilo que Dom Bosco dizia “Celebrar Nossa Senhora é antecipar as alegrias do céu”. Todo mundo que vem aqui, vem feliz e sai mais feliz, porque pode participar de todas as atividades e se enriquecer espiritualmente. É um momento de agradecer, louvar, colocar nas mãos da mãe aquilo que a gente vê que não dá conta de realizar, que ela dá conta e ela realiza”, disse o padre.

Para Rainha da festa, Thaíz Rezende Santos, ver o sucesso de todo trabalho é motivo de comemoração e felicidade. “Estamos muito felizes. Não poderíamos deixar de celebrar porque Nossa Senhora merece todo nosso carinho e devoção. É uma festa muito especial”, afirmou.

O Rei Carlos José da Silva disse que valeu a pena todo trabalho dedicado para realização do evento, que envolveu outros festeiros e grupos religiosos. “É resultado de muito trabalho dos 84 festeiros que trabalharam junto conosco, se dedicaram e se envolveram. Também dos 12 grupos da igreja. É isso, a união faz a força”, lembrou Carlos.

A procissão luminosa percorreu as avenidas Tenente Coronel Duarte (Prainha), XV de Novembro, até a Paróquia de São Gonçalo, no Porto. Depois pela Senador Metelo e de volta pela Prainha, até o Santuário.

Após, os fiéis aproveitaram a festa com barracas de comidas típicas, doces, bolos. Também participaram do Show de prêmios. Tudo ao som de Wander e Jhonny Violeiro, Roberto Lucialdo e Anselmo e Rafael.

O encerramento oficial será no dia 31 de maio, com missa celebrada por Dom Milton, Santos, arcebispo metropolitano de Cuiabá-MT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *