Patrulha Rural garante a segurança na Transpantaneira

Indicação do deputado Delegado Claudinei atende a região da Transpantaneira com ação promovida pela Sesp

A indicação de número 2.722/2019 proposta pelo deputado estadual Delegado Claudinei (PSL) sobre a necessidade de patrulhamento rural nas proximidades da rodovia MT-060, na região da Transpantaneira, em Poconé (MT), vem ao encontro com a Operação Integrada Vigia, que é uma ação da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) e terá atuação de policiais do Batalhão de Polícia Militar Ambiental em parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema).

De acordo com tenente-coronel Walmir Barros Rocha, do Batalhão de Polícia Militar Ambiental, essa operação se iniciou há uma semana e se estenderá até dezembro deste ano. “Realmente, estaremos com uma patrulha na região pantaneira integrada com outros órgãos da região de fronteira. O batalhão ambiental vai estar reforçando este policiamento na MT-060. Vão estar pelo menos dois policiais militares em conjunto com a Sema para este patrulhamento”, explica.

Delegado Claudinei explica que a matéria, proposta na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) para atender a Transpantaneira, foi devido reunião que participou junto com representantes do comércio e turismo que se queixaram dos assaltos frequentes na região. “A Transpantaneira é um importante ponto turístico que movimenta a economia do Estado e não podemos deixar a falta de segurança assombrar os turistas. Não podemos colocar em risco este público. Este patrulhamento rural praticamente atende o pedido que me foi feito. Estou bastante satisfeito com a iniciativa da Sesp”, posiciona o parlamentar.

Transpantaneira – Localizada na MT-060 que liga a cidade de Poconé (MT) até Porto Jofre que fica neste município e na divisa entre Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. É um dos destinos que atraem turistas brasileiros e estrangeiros devido as importantes atrações turísticas com pousadas instaladas na região do Pantanal e, com a oportunidade, de ter contato com a natureza.

Fonte: Samantha dos Anjos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *