Pedreiro é preso suspeito de abusar sexualmente das enteadas durante 7 anos em Cuiabá

No corpo das vítimas, de 10 e 12 anos, foram encontradas várias marcas do abuso. O suspeito, de 69 anos, nega o crime.

Um pedreiro de 69 anos foi preso na madrugada desta segunda-feira (10) suspeito de abusar sexualmente das enteadas de 10 e 12 anos, no Bairro Jardim Eldorado, em Cuiabá. Conforme a denúncia registrada pela mãe das meninas, os abusos aconteciam há cerca de 7 anos.

À polícia, o suspeito negou o crime.

De acordo com a Polícia Militar, as crianças contaram à mãe sobre os abusos na noite de domingo (9). Em seguida, um boletim de ocorrência foi registrado contra o pedreiro.

Ainda segundo a polícia, as meninas afirmaram que eram abusadas todos os fins de semana quando a mãe saía para o trabalho e elas ficavam sozinhas com o padastro.

A mãe das vítimas afirmou que só tomou conhecimento do caso após o relato das filhas e que está ‘em choque’.

No corpo das vítimas, foram encontradas várias marcas do abuso. Elas foram encaminhadas ao Instituto Médico Legal (IML) para exame de corpo de delito.

Já o suspeito está preso na Central de Flagrantes de Cuiabá e deve passar por audiência de custódia ainda nesta segunda-feira.

O caso será investigado pela Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Cuiabá (Deddica).

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *