Pfizer nega que esteja negociando vacinas diretamente com estados brasileiros

Farmacêutica diz que conversas com governo federal continuam

Apesar de ter recebido pedidos de governadores, a Pfizer negou que esteja negociando a entrega de vacinas contra o novo coronavírus para estados brasileiros. As informações são de Sandro Badaró, da BandNews FM

De acordo com o laboratório, as conversas com o governo federal continuam, mas ainda não existe uma definição ou expectativa de quando o contrato será assinado.

“A companhia tem atuado com os governos federais em todo o mundo para que sua vacina possa ser uma opção na luta contra a pandemia. A Pfizer tem recebido contato de alguns estados brasileiros, mas a empresa aguarda a definição junto ao governo federal”, diz a nota da Pfizer.

A solicitação de registro da vacina ainda não foi oficializada na Anvisa, órgão que mantém contato com a farmacêutica para analisar os estudos do imunizante.

COMPARTILHE ESSA MATÉRIA:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *