PM emprega efetivo especializado para atuar na segurança do Brasileirão da Série A em Cuiabá

A Polícia Militar definiu o efetivo de 48 policiais para garantir a segurança das equipes de arbitragens, de jogadores e toda área entorno da Arena Pantanal, localizada no bairro Verdão, na capital mato-grossense.

O Cuiabá Esporte Clube faz sua estreia no Campeonato Brasileiro da Série A neste sábado (29). Para o início do Brasileirão, a Polícia Militar definiu o efetivo de 48 policiais para garantir a segurança das equipes de arbitragens, de jogadores e toda área entorno da Arena Pantanal, localizada no bairro Verdão, na capital mato-grossense. 

O planejamento para a PM atuar no policiamento durante as partidas do brasileirão já está definido, cerca de 48 policiais vão garantir a segurança dos jogos. A definição da quantidade de equipes policiais foi baseada no atual cenário da pandemia da Covid-19; já que as partidas, por enquanto, não terão a presença de torcidas para evitar a aglomerações de pessoas. 

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jonildo José de Assis, destaca que todos os policiais que atuam em grandes eventos são extremamente capacitados. A tropa da PM conta com equipes especializadas a realizar este tipo policiamento com maestria e já atuou em eventos mundiais como a Copa do Mundo de 2014, realizada em Cuiabá. 

Além do policiamento realizado pelo 10° Batalhão, unidade localizada ao lado da Arena Pantanal, a PM disponibiliza para os dias de jogos 16 equipes do Batalhão Rotam, para a proteção da arbitragem e choque; policiais da Cavalaria com auxílio de animais, atuam em ações de dispersão na parte externa com apoio de viaturas da unidade especializada e do 10 º Batalhão, para prevenir crimes de roubos, furtos.

Em entrevista à equipe do PMCAST, o diretor de logística da Federação Matogrossense de Futebol, Luis Carlos Dorileo conta que o estatuto do torcedor exige que a Polícia Militar esteja presente nas partidas.

“Nós nunca tivemos nenhum problema com arbitragem e times de futebol, a PM sempre estar presente nos nossos jogos. A presença destes policiais nos passa tranquilidade, e agora com a previsão de partidas entre o Cuiabá e times com grandes torcidas como Flamengo, Corinthians, Fluminense na nossa capital, estamos tranquilos em relação a segurança dos jogos, pois contamos com policiais especializados da PM”, destaca Luis Dorileo.

Para o gerente administrativo do Cuiabá Esporte Clube, Gerson Welligton Pinto, a Polícia Militar é uma parceira do time. O jogo que começa às 18h, no campo, já vem sendo organizado junto à PM e demais instituições de segurança com bastante antecedência. 

“Ao todo o time do Cuiabá terá 38 jogos na Série A; 19 deles serão em casa ao logo do ano. E para essas rodadas contamos com a parceria de sempre da PM. Os policiais da Rotam por exemplo, garantem a segurança dos jogadores dos times e da arbitragem, isso nos dar muita tranquilidade para bola rolar em campo”, explica o Gerson.

Quer saber mais? 

Todos os detalhes sobre o trabalho da Polícia Militar nos jogos do Brasileiro em Cuiabá você pode conferir no 14º episódio do PMCAST. Acesse o episódio exclusivo e inédito do PMCAST “PM emprega efetivo especializado para atuar na segurança do Brasileirão da Série A em Cuiabá”, clicando nas seguintes plataformas de áudio:

Spotify : https://cutt.ly/8noSv2b

Deezer:  https://cutt.ly/YnoSgUo

Google Podcast :http://encurtador.com.br/jzMY6

PMMT : https://cutt.ly/lnoS4Sx

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *