PM pende três por porte ilegal de arma de fogo em Várzea Grande

João Vitor Costa Nascimento, 22 anos, Lúcio Jacinto Nascimento, 41 anos, e Jonas Santos do Nascimento Junior, 19 anos, foram presos na tarde desta terça-feira (07) acusados de posse irregular de arma de fogo de uso permitido, Porte ilegal de arma de fogo de uso permitido e comércio ilegal de arma de fogo.

Conforme consta no boletim de ocorrência nº 2019.301256 os militares em rondas pela Avenida Alzira Santana deparou com um veículo Citroen de cor preta, placa NOI 9759, com dois ocupantes que ao perceberem a presença dos militares arrancaram bruscamente na tentativa de fugir da abordagem policial, porém sem êxito.

Feita a abordagem policial e na busca pessoal foi localizado em poder do suspeito identificado como Jonas um revólver calibre 38 com uma munição intacta.

Questionado sobre a procedência da arma de fogo o suspeito relatou aos militares que havia adquirido de seu irmão para a  sua segurança.

O suspeito João Vitor irmão de Jonas confirmou aos militares que havia vendido a arma para seu irmão e que em sua residência o meso teria mais uma arma de fogo.

Os militares se deslocaram até a residência dos suspeitos localizada na Avenida Santa Laura, Bairro Costa Verde, onde nada de ilícito foi encontrado.

Questionado novamente João Vitor o suspeito confessou que teria vendido a um indivíduo de nome Lúcio proprietário de uma empresa localizada no bairro Figueirinha (Hospital das Motosserras).

No local os militares localizaram o suspeito Lúcio que confirmou ter adquirido um revólver do suspeito João Vitor  pelo valo de 1.500 reais e que a arma estva guardada em sua residência.

Na residência de Lúcio os militares localizaram um revólver calibre 32 com seis munições intactas.

Diante dos fatos os suspeitos foram conduzidos a Central de Flagrantes para as providências cabíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *