PM prende sete suspeitos por tráfico de drogas em Várzea Grande; veja o vídeo

Uma das “bocas” funcionava em uma distribuidora de bebidas, já na outra foi descoberto um caderno com anotações da contabilidade do tráfico

Em duas ações distintas, policiais do 4º Batalhão da Polícia Militar prenderam sete suspeitos por tráfico de droga e desmantelaram duas “bocas de fumo” nos bairros Portal da Amazônia e Jardim Paula 1. Uma das “bocas” funcionava em uma distribuidora de bebidas. Na outra foi descoberto um caderno com anotações da contabilidade do tráfico.

Na primeira ocorrência, no início da noite de ontem (10), em uma residência do Jardim Paula 1, policiais do Grupo de Apoio (Gap) prenderam dois homens (de 32 e 22 anos) e identificaram um terceiro envolvido (de 24 anos), que conseguiu fugir.

No local foram apreendidas 110 porções de maconha, um pedado médio, quase metade de um tablete, além de R$ 1,3 mil em notas menores, balança de precisão, rolos de plástico filme, celular. Lá também havia uma folha de caderno com anotações de compra, venda e outras atividades do tráfico. Objetos com iniciais de uma facção criminosa e nome de um dos envolvidos também foram apreendidos pelos policiais.

E outra ação, desta vez no bairro Portal da Amazônia, policiais do Gap prenderam na madrugada de hoje (11), por volta das 2hs, três homens (de 37, 31 e 19 anos) e duas mulheres, uma adolescente de 17 anos e uma de 19.

No endereço, onde também funciona uma distribuidora de bebidas, foram apreendidas 70 porções de cocaína, R$ 202 em dinheiro, prato e colher com resíduos de droga, tesoura e outros produtos relacionados ao tráfico.

Essa não é primeira vez que a PM atua nessa ‘boca de fumo’. Em outras ocasiões foram efetuaram prisões no local, porém as denúncias sobre tráfico de droga na distribuidora continuaram, conforme narrativa dos policiais no Boletim de Ocorrência(BO).  

Nas duas ocorrências os presos e os materiais apreendidos foram levados para a Central de Flagrantes da Polícia Judiciária Civil em Várzea Grande.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *