Polícia Civil prende suspeito de manter fábrica clandestina de armas artesanais em Barra do Garças

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Barra do Garças (509 km a Leste de Cuiabá), cumpriu um mandado de busca e apreensão com o objetivo de desarticular uma fábrica clandestina de arma de fogo na cidade.

A ação faz parte do planejamento operacional de repressão aos roubos e crimes correlatos em Barra do Garças e Pontal do Araguaia e resultou na prisão em flagrante de um homem pelo crime de comércio ilegal de arma de fogo.

Durante o cumprimento do mandado, foram apreendidas uma arma de fogo, apetrechos e equipamentos utilizados para confecção de armas. Questionado, o suspeito confessou que atua com a fabricação de armas de fogo sem autorização legal e que já vendeu mais de 10 armas de fogo artesanais.

As investigações coordenadas pelo delegado da Derf Barra do Garças, Joaquim Leitão Júnior, apontam que o suspeito fornece armas de fogo para a criminalidade local, para prática de roubos a mão armada.

“As diligências continuam em andamento para identificar outros envolvidos no crime, assim como suspeitos de adquirirem as armas fabricadas pelo investigado”, disse o delegado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.