Policiais libertam homem que era mantido em cativeiro por membros organização criminosa

A vitima contou que tomou a própria urina para matar a cede. Disse também que era vigiado por outros homens que usavam tornozeleira eletrônica.

Policiais militares do 5º Batalhão de Rondonópolis (a 212 km de Cuiabá) libertaram nesta segunda-feira (09.11), um homem mantido em cativeiro, no bairro Pedra 90.

 A informação chegou via 190 que um homem era mantido trancado em uma casa e que seria vítima de um ‘salve’, por membros de uma organização criminosa.

No local, os agentes confirmaram a informação. A vítima contou que foi rendida por dois homens, na sexta-feira (06), quando estava em uma lanchonete.

A dupla o acusava de ter furtado um aparelho celular, mas ele negou o crime e mesmo assim foi levado para o cativeiro sem comida e água. Contou que tomou a própria urina para matar a sede. Disse também que era vigiado por outros homens que usavam tornozeleira eletrônica. Eles o ameaçavam que iriam matá-lo e jogar seu corpo na Rodovia dos Peixes. Nenhum suspeito foi localizado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *