R$ 2 MILHÕES: Emenda do deputado Moretto viabilizará curso de Agronomia em Pontes e Lacerda

Compromisso foi firmado em parceria com a direção do campus, Câmara de Vereadores e Prefeitura.

A Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT), campus de Pontes e Lacerda, contará com o curso de Agronomia a partir de 2022. O processo se viabilizará graças a parceria entre a direção da unidade de ensino, Câmara de Vereadores, Prefeitura e uma emenda de R$ 2 milhões do deputado estadual Valmir Moretto (Republicanos).

Além da turma especial de Agronomia, também serão montados mais dois cursos tecnólogos, ainda a serem definidos. Os detalhes foram acertados em reunião nesta segunda-feira (27).

Ponte e Lacerda é cidade polo na região do Vale do Guaporé, no Oeste de Mato Grosso e está em plena expansão agrícola e econômica – por isso a cobrança da sociedade para a instalação do curso.

“Essa é uma cobrança antiga da sociedade. Já determinei que a emenda seja feita. Esse é um curso importante para a região Oeste. Obrigado pela cobrança da Câmara, da sociedade e do compromisso da diretoria do campus de Pontes e Lacerda”, disse o deputado Valmir Moretto.

Para o prefeito Alcino Barcelos (Republicanos), a demanda vem em um ótimo momento do município. “A prefeitura vai entrar com 20% do primeiro ano. O Moretto com recurso de emenda e sua gestão dentro do Governo do Estado viabilizará o restante”, afirma.

A diretora do campus, Jocilaine Garcia, também agradeceu o empenho em levar o curso para a unidade.

“Tivemos uma manhã muito importante na definição da educação em nossa região. Gostaria de agradecer o deputado Moretto, o prefeito Alcino Barcelos, e todos os vereadores. A gente sai com essa importante notícia, que é uma turma especial de agronomia em Pontes e Lacerda”, pontua a diretora.

Educação militar em Pontes e Lacerda

Ainda na área da educação, na última semana ficou definida a implantação de uma Escola Estadual Militar Tiradentes, também no município de Pontes e Lacerda.

A ação é resultado do forte trabalho do deputado Valmir Moretto e prefeito Alcino Barcelos junto ao Governo do Estado. O secretário de Estado de Educação, Alan Porto e o vice-governador Otaviano Pivetta, estiveram presencialmente na cidade e ouviram de perto a demanda os moradores.

A unidade de ensino militar funcionará na escola 14 de Fevereiro, que tem capacidade para atender 1.400 alunos. As aulas devem iniciar também em 2022.

Fonte: Raul Bradock,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *