Radialista morre de Covid-19 após ficar 15 dias internado na UTI

Ele estava internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Municipal de Barra do Garças desde o dia 11 de agosto.

O empresário e diretor da Rádio Rezende FM, Divino Carlos, conhecido como Divino do Celeiro ou Divino da Rádio, morreu nesta terça-feira (25) vítima da Covid-19, em Barra do Garças, a 503 km de Cuiabá.

Ele estava internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Municipal de Barra do Garças desde o dia 11 de agosto.

Divino começou a sentir os primeiros sintomas ainda no início do mês e foi internado no Hospital Municipal de Nova Xavantina, a 651 km da capital. Após exames, ele testou positivo para o novo coronavírus.

O quadro de insuficiência respiratória do radialista se agravou rapidamente sendo necessária a transferência para Barra do Garças.

Conforme o painel epidemiológico do coronavírus da Secretaria Estadual de Saúde desta terça-feira (25), Nova Xavantina tem 300 casos confirmados de Covid-19 e nove mortes em decorrência da doença.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *