VÁRZEA GRANDE: Polícia Civil deflagrada operação, indicia 19 pessoas por receptação e recupera 19 aparelhos celulares

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Roubo e Furtos (Derf) de Várzea Grande, deflagrou na sexta-feira (29.10) a operação “Rastrum”, que resultou na autuação de 19 pessoas por receptação e na recuperação de 19 aparelhos smartphones roubados/furtados.

A ação policial realizada pela Derf-VG teve como objetivo intensificar o combate ao crime de receptação, o qual é uma prioridade para delegacia em razão de fomentar e estimular a pratica de roubos e furtos na região.

Conforme a delegada titular da Derf-VG, Elaine Fernandes da Silva, dos celulares recuperados estão produtos subtraídos durante um roubo ocorrido em uma farmácia, ocasião em que um indivíduo invadiu o local se passando por cliente. Depois de separar alguns itens simulando a compra, sacou uma arma de fogo e anunciou o assalto, levando o dinheiro do caixa e vários aparelhos celulares.

Os policiais civis também recuperaram celulares furtados de uma loja situada no centro de Várzea Grande, quando suspeitos quebraram a parede, invadiram a loja e subtraíram diversos produtos.

Elaine Fernandes da Silva explicou que no contexto da operação, chamou a atenção, a atuação de um receptador que foi preso em flagrante com um smartphone proveniente de roubo. Ao ser interrogado, este alegou ter comprado o aparelho de uma usuário de droga pelo valor de R$ 100, que passava na frente de sua residência. 

Durante depoimento o receptador afirmou que tinha conhecimento de que o aparelho que comprou era avaliado no merca em cerca de R$ 1,9 mil, demonstrando o dolo de sua conduta.

“Nota-se que a essência do receptador é levar vantagem a qualquer custo. Não se importando se aquele objeto que está adquirindo é de procedência ilícita, bem como não se importando em saber se aquele objeto que adquiriu custou a própria vida da vítima”, lamentou a delegada Elaine Fernandes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *