Vereador de Rosário Oeste ameaça diretor da NCC TV Web em grupo de Watssap

O vereador por  Rosário Oeste , João Augusto Arruda, o popular Tito da Forquilha (PR) , ao discordar de um assunto que estava sendo discutido dentro de  um grupo de Watssap do Assentamento da Forquilha do Rio Manso, o parlamentar lembrou de um fato de uma agressão sofrida alguns anos atrás pelo jornalista e diretor NCC TV Web, Marcos Lopes na Câmara de Vereadores de Nobres,  á época o mesmo atuava pelo Jornal O Divisor (de Diamantino) , como correspondente em Nobres.

Conforme o “print” ao lado comprova, o vereador Tito deixou evidente uma ameaça contra  o jornalista Marcos Lopes, deixando a entender que o mesmo poderá vir ser agredido no futuro.

O vereador relata que a agressão foi na Câmara de Rosário  Oeste, quando na verdade a mesma ocorreu alguns anos atrás na Casa de Leis de Nobres.
A direção da NCC TV Web juntamente com o jornalista Marcos Lopes já estão tomando as medidas judiciais necessárias.

Tito da Forquilha  ainda ”insinua” que o jornalista Marcos Lopes é agora “repórter” do prefeito João Balbino, que é do mesmo partido dele, porém o nobre vereador não apresentou  nenhum contrato que comprove o desempenho de tal função pelo diretor da NCC TV Web.

Todo e qualquer serviço prestado entre empresas ou pessoas a órgãos públicos devem ser publicados no Portal Transparência  e no Diário Oficial  do Município em questão.

O jornalista Marcos Lopes é conhecido entre amigos  pelo apelido de “Batoré”, por também trabalhar com humor (nas horas vagas) em prol de causas sociais, imitando o personagem que originou esse apelido. Mas ao fazer a ameaça o vereador Tito comete uma gafe, ao “assassinar” a língua portuguesa, ao mencionar “Bature”, quando o correto seria “Batoré” e escrever em letras garrafais “ESE”, quando o correto seria “ESSE” e entre tantos erros ortográficos que dariam um artigo a parte desta matéria.

As “ofensas” e a ameaça ocorreram por volta das 21 horas no referido grupo de watssap e o o vereador ficou revoltado quando algumas pessoas se propuseram a dar entrevistas sobre outros assuntos fora do tema do documentário, mas que envolveriam várias denúncias de ilegalidades no Assentamento da Forquilha do Rio Manso.

Só a título de informação, o assunto em questão era um  “Documentário” sobre a história do Assentamento da Forquilha do Rio Manso e os “diversos pais” das obras já realizadas e que estão sendo realizadas naquela comunidade.

Logo após o anúncio desse documentário, que será produzido pela  Empresa Mais Comunicação e Agência de Notícias, que administra  a marca “NCC TV Web”, o vereador começou a ofender o jornalista Marcos Lopes com palavras de cunho ofensivo, as quais foram “printadas” e serão tomadas medidas jurídicas a respeito das mesmas.

A NCC TV Web preza pelo princípio básico da imparcialidade, caso o vereador Tito da Forquilha queira direito de resposta, o espaço está aberto, mas desde que apenas a verdade seja,dita, e / ou nenhum fato seja distorcido a favor ou contra este ou aquele lado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *